terça-feira, 17 de novembro de 2009

Cachaça - a aguardente à moda brasileira



                 
     Foram os portugueses que trouxeram para o Brasil a nossa matéria prima, a cana-de-açúcar, quando aqui estabeleceram os primeiros núcleos de povoamento e implantaram a agricultura. Os lusitanos já tomavam e gostavam da Bagaceira.
     Tudo começou entre 1532 e 1548, na Capitania de São Vicente, quando foi descoberto, por acaso, o "vinho" da cana-de-açúcar. Melhor dizendo, a garapa azeda da cana. Essa garapa, vinha dos engenhos de rapadura e ficava ao relento, em cochos de madeira, servindo apenas de alimento para os animais. Assim, fermentava com facilidade. Alguém provou e notou que era melhor do que o cauim, dos índios, uma bebida anti-higiênica, produzida com o emprego de cuspe para facilitar a fermentação do milho (ou mandioca). O Caldo azedo, com o nome Cagaça, passou então a ser fornecido aos escravos para que pudessem suportar melhor a pesada carga de trabalho nos canaviais. Logo, porém, tiveram a idéia de destilar a cagaça e nasceu assim, a cachaça. 
Ceará Moleque



Nenhum comentário: