segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

AÇUDES COMEÇAM A SANGRAR NO ESTADO DO CEARÁ


Os açudes Quandú, de Itapipoca, e o Acaraú Mirim, em Massapé, foram os dois últimos a sangrar, segundo a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). Outros quatro já sangraram no interior do Estado: Tijuquinha (Baturité), Pau Preto (Potengi), Prazeres (Barro) e Rosário (Lavras da Mangabeira).
O percentual de acúmulo no Ceará, hoje, está com 61,53%, o que representa 11.166.671.998 metros cúbicos da capacidade total dos 134 açudes, que é de 18.147.205.325 metros cúbicos.
O estudo da Cogerh, em parceria com o Dnocs, também traz um demonstrativo dos açudes que estão acima de 80% e 90%.
Santo Ant. de Russas (Russas) – 89,38% - Bacia Baixo Jaguaribe
Gavião (Pacatuba) – 88,16% - Bacias Metropolitanas
Valério (Altaneira) - 87,77% - Bacia Alto Jaguaribe
Jaburu I (Ubajara) - 84,75% - Bacia Parnaíba
Cupim (Independência) - 82,97% - Bacia Parnaíba
Cachoeira (Aurora) - 82,83% - Bacia Salgado
São Pedro Timbaúba (Miraíma) - Bacia Litoral - 94,73%
Quixeramobim (Quixeramobim)-Bacia Banabuiú - 94,31%
Gomes (Mauriti)-Bacia Salgado - 90,11%

EM COREAÚ

Tradicionalmente em Coreaú, a sangria dos açudes em sempre uma atração a parte e uma opção de lazer. O açude Novo Camilo, começou sangrar na madrugada do dia 27, o sangradouro do açude foi restaurado pela Prefeitura Municipal conservando as mesmas estruturas. A sangria é reflexo das chuvas que, desde o início do ano, têm sido acima da média na região.

 Fonte: Coreauonline

Nenhum comentário: